Travessias
Accessibility A+ A- C

Governo do Estado investe mais de R$ 20 milhões em sete balsas

Plano da DERSA aproveitará a baixa temporada para acelerar as reformas e compensará baixas com remanejamento de embarcações entre as Travessias

São Paulo, 6 de março de 2017 - O Governo do Estado de São Paulo investirá nos próximos meses cerca de R$ 20,7 milhões na reforma e modernização de sete ferryboats que operam nas Travessias Litorâneas. Para minimizar transtornos aos usuários, a DERSA - Desenvolvimento Rodoviário S/A programou as saídas das balsas de forma escalonada, com início a partir desta semana, coincidindo justamente com a entrada do período de baixa temporada - quando a demanda do sistema diminui sensivelmente.

Na Travessia São Sebastião/Ilhabela, por exemplo, a queda esperada para a demanda média diária é de 52%. Já a Bertioga/Guarujá deverá sofrer retração de 48%, enquanto na Santos/Guarujá – a travessia menos sensível à sazonalidade – a queda esperada é de 12% no período de baixa.

Para dar conta deste desafio e manter uma capacidade operacional coerente com o volume de usuários, a DERSA realizará remanejamentos na alocação de sua frota para adequá-la à realidade do período. Esse arranjo cobrirá a baixa temporada e será progressivamente desmontado à medida que retornarem as embarcações reformadas, permitindo que o sistema de Travessias Litorâneas retome sua capacidade total para a temporada de verão 2017/2018.

Em 2016, a Companhia entregou 13 embarcações totalmente remodeladas, com recursos de R$ 26,8 milhões. Somados aos R$ 5,3 milhões aplicados no FB-25, entregue em fevereiro deste ano, os investimentos chegam a R$ 32,1 milhões. O Programa de Modernização das Travessias Litorâneas, iniciado em 2011, já investiu R$ 308,7 milhões nos oito serviços administrados pela DERSA, o que resultou em aumento de 30% na capacidade operacional de todo o sistema.


Veja como fica o serviço:

Travessia Santos/Guarujá

Saem agora para reforma os ferryboats FB-27 (investimento de R$ 3,2 milhões) e FB-28 (investimento de R$ 2,6 milhões), com regresso esperado para o início de agosto. A FB-26 (R$ 2,3 milhões), que está no estaleiro desde novembro de 2016, retorna na segunda quinzena de maio, liberando a FB-24 (R$ 3,4 milhões), que se voltará em outubro. A última a sair será a FB-21 (R$ 2,0 milhões), que deixará a operação no início de agosto (após o retorno das FB-27 e FB-28) e voltará no início de dezembro.

Para compensar as baixas, a travessia Santos/Guarujá contará com o reforço da FB-29, que chegou a Santos na última quinzena de fevereiro (e reforçou, inclusive, o período do Carnaval), e a FB-18, que chegará da Travessia São Sebastião/Ilhabela ainda nesta semana. Até setembro, será mantida uma frota de oito embarcações. Entre outubro e novembro, a disponibilidade subirá para nove embarcações e, a partir de dezembro, dez ferryboats trabalharão nessa travessia.

Travessia São Sebastião/Ilhabela

Além do deslocamento do FB-18 para a Travessia Santos/Guarujá, entra agora em reforma o FB-30 (investimento de R$ 2,9 milhões). Como reforço, o serviço contará com a chegada da embarcação FB-14, atualmente na Travessia Guarujá/Bertioga. No início de agosto, com o retorno da FB-30, começa a reforma do FB-20 (R$ 3,9 milhões), que será concluída no início de dezembro. A Travessia São Sebastião/Ilhabela ficará, portanto, com seis balsas disponíveis a partir da próxima semana. Em dezembro, serão sete.

Travessia Guarujá/Bertioga e Travessia Cananeia/Ilha Comprida

O FB-14 será deslocado na próxima semana para atender a Travessia São Sebastião/Ilhabela. O serviço ficará com uma balsa disponível até o dia 22 deste mês, quando receberá o reforço do FB-Bacharel. Esta embarcação será deslocada da Travessia Cananeia/Ilha Comprida, que ficará com duas embarcações. A FB-14 retornará de São Sebastião em dezembro, liberando a FB-Bacharel para retornar à operação em Cananeia.

A DERSA agradece a compreensão de todos e coloca à disposição os seguintes canais de informação: site www.dersa.sp.gov.br, twitter @travessiasdersa e o telefone 0800 7733 711.